domingo, maio 02, 2010

SUPERANDO A TENTAÇÃO E O PESO DO PECADO

“Jesus, cheio do Espírito Santo, voltou do Jordão e foi guiado pelo mesmo Espírito, no deserto, durante quarenta dias, sendo tentado pelo diabo... Passadas que foram as tentações de toda sorte, apartou-se dele o diabo, até momento oportuno.” (Lucas 4.1-13)
Após a queda do homem e da mulher, Deus que é sempre misericordioso dá a Eva a certeza de que um dia haveria possibilidade para salvação e livramento e diz: porei inimizade entre ti e a mulher, entre a tua descendência e o seu descendente. Este te ferirá a cabeça e tu lhe feriras o calcanhar (Gênesis 3.15).
A terra já não é mais a cópia do paraíso, a maldade e o pecado se instalaram no coração do homem e acontece o primeiro assassinato, Caim mata a seu irmão Abel.Em cumprimento à promessa feita a mulher começou a colocar em prática o Seu plano de resgatar o homem.
Deus chama muitos homens, até chegar a Noé, Abraão e dele faz uma grande nação. Este povo fica cativo por 400 anos e Deus levanta um libertador, um homem com falhas como todo ser humano, mas um grande líder, que os conduz à terra prometida.
O povo conquista a terra e o seu coração se ensoberbece; fica rebelde e Deus levantou juízes para julgar o povo segundo a vontade de Deus, mas o povo quer ser como as outras nações e querem para si o governo de um rei e não de Deus. Achavam que ele tinha que ser forte, como os reis vizinhos e Deus o concede. Esse rei (Saul) faz um monte de besteiras, resolve oferecer sacrifícios no lugar do sacerdote e Deus levanta um outro rei, esse sim, segundo o seu coração. Davi é consagrado e ungido pelo profeta Samuel. Apronta muitas coisas, mas sempre se arrepende e Deus faz a promessa de que nunca faltaria descendente de Davi que se assentasse no trono de Israel. Davi morre e seus filhos começam a reinar, o reino se divide, vem novo cativeiro e novo livramento.
Deus vai tratando e cuidando daquele povo até que, no dizer do apóstolo Paulo em Gálatas 4.4: “vindo, porém, a plenitude dos tempos, Deus enviou Seu Filho, nascido de mulher, nascido sob a lei, para resgatar os que estavam sob a lei, a fim de que recebêssemos a adoção de filhos.”
João 3.16 diz: “ Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna”.
Jesus vem ao mundo e quando criança foi levado ao Templo e Simão diz a Maria sua mãe que o seu filho estava destinado tanto para ruína como para levantamento de muitos em Israel e para ser alvo de contradição.
Jesus cresce e nessa época João Batista está pregando a vinda do reino de Deus chamando todos ao arrependimento. Jesus vai até ele para ser batizado e tão logo é batizado fica cheio do Espírito Santo. Depois disso o mesmo Espírito o leva ao deserto para ser tentado.
Por que? Para que? Por que Jesus precisou passar por tantas provas antes de iniciar o seu ministério? Para que Ele como homem pudesse suportar o que os outros homens não estavam conseguindo e para nos mostrar que por maiores que sejam as nossas tentações temos condições de superá-las.
Sempre que a Bíblia fala em deserto, fala em aprendizado com Deus.
Deserto é um local de experiências com Deus, porque ali somos totalmente dependentes da graça e da misericórdia dEle. Local de solidão, aonde nos defrontamos com nós mesmos.
O diabo tenta por várias maneiras fazer com que Jesus se coloque na posição de Deus, pois sabia que Ele era o Filho de Deus.
Jesus teve fome e o diabo queria que ao invés de conseguir seu alimento de forma normal, Ele transformasse pedras em pão; tentou dar a Ele glória humana e poder temporal, mas Jesus o combate sempre com a Palavra de Deus. Quando o diabo dizia: “está escrito”, Jesus replicava: “também está escrito” E diz o verso 13 que passadas que foram as tentações de toda sorte, apartou-se dele o diabo até momento oportuno.
O que significa “até momento oportuno”? Quer dizer que sempre que dermos brecha ou oportunidade ao diabo estaremos sujeitos a cair em tentação.
Mas muitos podem estar pensando: “Tudo isso nós sabemos: que Jesus é Deus, que deixou a Sua glória, que foi tentado e resistindo completou a missão que o Pai lhe confiou, mas o que é que tudo isso representa para nossas vidas?”
Tiago 4.7 diz “sujeitai-vos, portanto a Deus, mas resisti ao diabo e ele fugirá de vós”.
Existem momentos em que nos sentimos tão sozinhos que é como se estivéssemos em um deserto. Olhamos para frente e para os lados e não vemos nenhuma perspectiva de melhora.
Nos sentimos abandonados e ao invés de buscarmos a presença de Deus, damos oportunidade ao diabo para que coloque “minhocas” em nossa cabeça. Começamos a nos sentir perseguidos por todos. Achamos que não temos capacidade para fazer nada.
Nesse momento o diabo começa a nos oferecer o seu prato de “lentilhas”. Trocamos as bênçãos de Deus pelas coisas passageiras desse mundo.Começamos a andar na contramão da vontade de Deus, passamos a querer conquistar a tudo e a todos que nos cercam.
Passamos a entender que aquilo que há algum tempo parecia errado agora não é tão errado assim.
O comerciante que está passando por dificuldades financeiras diz que não vai mais pagar impostos porque o governo é ladrão... O trabalhador não se dedica totalmente à sua empresa porque acha que o seu salário é uma “porcaria” e que já está fazendo demais por aquilo que recebe... Na igreja, só nós estamos certos e todos os irmãos, inclusive a liderança estão errados...
Sem perceber acabamos nos tornando pessoas arrogantes e vaidosas, achamos que somos os mais espirituais, que o Espírito Santo é apenas um detalhe em nossa vida, entendemos que é necessário ter poder para “colocar as coisas no seu devido lugar”.
Precisamos aprender com Jesus, que sendo Deus, não usurpou o ser igual a Deus, sempre se colocou em submissão ao Pai e em nenhum momento tentou se engrandecer diante de Satanás mostrando a ele que era superior , ao contrário, usou a autoridade da Palavra de Deus.
Com certeza, muitos de nós naquela situação diríamos: “Eu sou DEUS, que você está pensando? Sabe com quem está falando?
Como podemos perceber que estamos sendo tentados?
Sempre que nos confrontarmos com a Palavra de Deus. Se o que estamos fazendo não é permitido pela Palavra, estamos em erro, e o erro não vem de Deus.
Por essa razão precisamos conhecer a Palavra, a Bíblia. Vivê-la no nosso dia-a-dia, conhecer a vontade de Deus para nossa vida.
A melhor maneira de resistir ao diabo é estar debaixo da vontade de Deus.
Mas, e se eu não conseguir resistir?
João em sua primeira carta capítulo 2, versos 1 e 2 diz: “Filhinhos meus, estas coisas vos escrevo para que não pequeis. Se, todavia, alguém pecar, temos Advogado junto ao Pai, Jesus Cristo, o Justo; e ele é a propiciação pelos nossos pecados e não somente pelos nossos próprios, mas ainda pelos do mundo inteiro.”Por essa razão quando você se sentir sem forças e estiver a ponto de sucumbir diante das tentações busque a presença de Deus, ore, jejue, arrependa-se, tenha humildade e reconheça a soberania de Deus.
Hoje em dia prega-se algo muito perigoso, chamado dualismo, que vem a ser a teoria de que existem duas forças, uma do bem e outra do mal, e que uma delas jamais destruirá a outra, de tal forma que sempre existirão.
Trocando em miúdos significa que o diabo tem o mesmo poder que Deus e que um não consegue, nem nunca conseguirá destruir o outro, é por essa razão que se dá tanta ênfase ao diabo em nossos dias.O diabo já está condenado e sabe que está com os seus dias contados, por essa razão nos odeia e tenta nos destruir, mas diz a Palavra de Deus em I João 3.8b: “... Para isso se manifestou o Filho de Deus: para destruir as obras do diabo.”Por isso resista ao diabo e ele fugirá de vós como nos ensinou Tiago.
Muitos não crêem nas coisas que escrevemos e que a Palavra de Deus nos mostra como Verdades Eternas, mas basta olharmos para os acontecimentos atuais e podemos constatar a veracidade das Escrituras Sagradas.
Assim como Jesus depois de dar ordens aos Seus discípulos foi elevado aos céus voltará num dia e hora que ninguém sabe para cumprir a Sua promessa de que retornaria para levar aqueles que cressem na mensagem que Ele deixou e principalmente no sacrifício a que se entregou por amor de cada um de nós, para vivermos com Ele por toda a eternidade em um local onde não haverá mais tentações, quedas, lágrimas, sofrimentos, desavenças, invejas e demais imperfeições com as quais esbarramos todos os dias nesse mundo.
Se você faz parte daqueles que pensam dessa maneira, eu quero convidá-lo a olhar para dentro de si mesmo, faça uma breve reflexão sobre os acontecimentos mundiais e veja se o mundo está melhorando, se as pessoas estão sendo mais solidárias, se o amor tem alcançado as pessoas de diferentes classes sociais ou se ao invés disso, apesar de todo avanço tecnológico, não estamos vivendo como nos tempos da idade média, onde as mulheres eram apenas objeto de uso para seus maridos, onde as crianças não eram respeitadas e onde valia mais o poder da força do que o do amor.

Se você que está lendo essa reflexão ainda não entregou a sua vida nas mãos de Jesus eu quero lhe fazer um convite.
Entregue o seu coração a Jesus e deixe que ele cuide de você e dirija seus passos.
Confie nEle. Ele é Fiel para cumprir Sua Palavra. Nele podemos confiar sempre, pois Ele se entregou para morrer naquela cruz pelos nossos pecados, para que você e eu tivéssemos, ao reconhecer esse ato de tão grande amor, a oportunidade de vermos os nossos pecados perdoados e o direito de vivemos em intimidade eterna em Sua companhia.
Faça essa oração comigo e creia que Ele cuidará de você e dos seus.
Senhor Jesus, eu creio de todo o meu coração, que és o Filho de Deus, que veio a esse mundo e foi morto na Cruz do Calvário para resgatar os meus pecados. Eu reconheço que sou pecador e peço perdão a Ti pelos meus pecados. Senhor Jesus eu o reconheço como meu Salvador pessoal e quero morar nos céus com o Senhor. Toma conta de mim, dirige os meus passos e me batiza com o Espírito Santo para que eu possa testemunhar desse teu amor por mim. Eu te agradeço por me receber e me dar o direito de ser chamado filho de Deus. Amém!

Se você fez essa oração eu o convido a procurar uma Igreja Evangélica e começar a conhecer o que Deus tem para você. Estude sempre a Palavra de Deus, a Bíblia. Nela você encontrará tudo o que você necessita para ter uma vida vitoriosa com Cristo.
Que Deus o abençoe ricamente.



Um comentário:

Josiel Dias disse...

Olá meus irmãos, Graça e Paz.

Parabéns pelo blog tão abençoador.
Aprendendo uns com os outros crescemos na graça e no conhecimento.
Após sermos afetados diretamente pelas águas, nossa cidade se levanta e adora a Deus. Grande Evento neste último dia 01 de Maio dia do trabalhador. Noite de adoração com o Diante do Trono. Centenas de pessoas foram libertas e encontraram cura através da ministração da palavra.A Deus seja a glória e a honra. Gostaria também de divulgar o nosso blog.

“Mensagem Edificante para Alma”
http://josiel-dias.blogspot.com/
cobertura completa deste evento.

Josiel Dias
Cons Missionário
Congregacional
São Gonçalo
Rio de Janeiro